Câmera flagra homem agredindo os próprios filhos no meio da rua - Violência | Valter Vieira - Informação de qualidade
15 de agosto de 2018
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

VIOLÊNCIA - 05/08/2018

Câmera flagra homem agredindo os próprios filhos no meio da rua

Câmera flagra homem agredindo os próprios filhos no meio da rua

Um homem foi flagrado por câmeras de segurança agredindo a filha no meio da rua durante discussão. O caso ocorreu em Botucatu (SP) e causou revolta nas redes sociais. O vídeo (veja abaixo) foi divulgado pela TV TEM.

A jovem, de 21 anos, resolveu registrar um boletim de ocorrência contra o pai somente na quarta-feira (1º/8), embora a agressão tenha ocorrido no dia 12 de julho. A partir dessa atitude, o caso ganhou repercussão. De acordo com a Polícia Civil, um inquérito foi aberto para investigar o ocorrido.

Na gravação feita pela câmera de segurança de uma casa próxima, dá para ver a discussão entre ambos. De repente, o homem acerta um tapa no rosto da filha. Ela revida o ataque e tenta correr, escapando de um soco.

O homem, então, parte para cima da garota, cerca ela em outro carro e acerta vários socos. Ele chega a segurar a filha pelo pescoço e a empurrar contra o carro. Desesperada, uma mulher sai de outro carro e tenta conter o agressor até que a jovem foge e entra em casa.

Pouco tempo depois, o irmão dela – e filho do agressor – sai da casa e começa a discutir com o próprio pai. Eles trocam socos e o homem cai no chão. A mesma mulher continua no local, tentando apartar mais uma briga, até que o filho entra na casa.

Na postagem, ele diz que sempre ajudou os filhos; tentou tirar os dois das drogas. Confira a postagem abaixo:Segundo postagem do pai no Facebook – que até o início da noite deste sábado (4/8), já havia recebido 97 compartilhamentos, 48 comentários e quase 600 curtidas (boas e más) – a agressão ocorreu durante discussão com a filha, que seria, segundo ele, “usuária de maconha”.

 METRÓPOLES

Enquete

Você concorda com a reforma da previdência?

*Enquete encerrada.
  • 3%
  • 24%
  • 74%