Tiroteio em redação de jornal nos Estados Unidos deixa 5 mortos e vários feridos - Mundo | Valter Vieira - Informação de qualidade
15 de novembro de 2018
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

MUNDO - 29/06/2018

Tiroteio em redação de jornal nos Estados Unidos deixa 5 mortos e vários feridos

Tiroteio em redação de jornal nos Estados Unidos deixa 5 mortos e vários feridos

Um tiroteio na redação do jornal "Capital Gazette", em Annapolis, no estado americano de Maryland, deixou ao menos 5 mortos e ao menos dois feridos nesta quinta-feira (28), de acordo com a polícia.

Um dos mortos é o editor do jornal, Rob Hiaasen, que trabalhava no local desde 2010. Sua identidade foi confirmada ao "Washington Post" pelo irmão dele, Carl Hiaasen. As outras vítimas também são 3 jornalistas e um assistente de vendas, segundo a Associated Press. As identidades deles não foram divulgadas.

Um suspeito, descrito pelas autoridades como um homem branco usando uma arma longa, foi detido. O nome dele é Jarrod Ramos, segundo a CNN e a NBC, que atribuem a informação a fontes policiais. Ele teria 38 anos e seria autor de uma ação contra o jornal em 2012, por difamação, que foi julgada improcedente.

O chefe interino de polícia do condado de Anne Arundel, William Krampf, informou ainda que o jornal tinha recebido ameaças através de redes sociais nos últimos dias, algumas delas feitas nesta própria quinta. As ameaças indicavam intenção de violência, mas não indicavam nenhuma pessoa como alvo específico.

Atirador abre fogo em redação de jornal nos Estados Unidos e mata 5

Segundo a CNN, o atirador foi encontrado escondido debaixo de uma mesa e a arma estava no chão. Também no chão, mas na entrada do prédio, foi encontrado um pacote contendo um líquido inflamável.

Phil Davis, um repórter do "Gazette", estava no local do tiroteio:

“Atirador disparou pela porta de vidro do escritório e abriu fogo contra vários funcionários. Não posso dizer muito mais e não quero declarar ninguém morto, mas a coisa está ruim ”, escreveu Davis no Twitter enquanto esperava para ser ouvido pela polícia. "Não há nada mais aterrorizante do que ouvir várias pessoas sendo baleadas enquanto você está sob sua mesa e depois ouvir o recarregamento do atirador."

There is nothing more terrifying than hearing multiple people get shot while you're under your desk and then hear the gunman reload

44.7K24.1K people are talking about this

Em uma entrevista posterior, Davis disse que a redação estava "como uma zona de guerra", uma situação que seria "difícil de descrever".

"Sou um repórter de polícia. Escrevo sobre essas coisas -- não necessariamente até este ponto, mas tiroteios e morte -- o tempo todo ”, disse ele. "Mas por mais que eu tente articular como é traumatizante estar escondido debaixo da sua mesa, você não sabe até que você esteja lá e se sinta desamparado."

Davis disse que ele e outros colegas ainda estavam se escondendo sob suas mesas quando o atirador parou de atirar. "Eu não sei por quê. Eu não sei por que ele parou ”, disse.