Justiça eleitoral cassa mandato e torna inelegíveis prefeito Fernando Bispo de Anguera e o vice Moiséis Couto - Justiça | Valter Vieira - Informação de qualidade
22 de julho de 2018
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

JUSTIÇA - 04/07/2018

Justiça eleitoral cassa mandato e torna inelegíveis prefeito Fernando Bispo de Anguera e o vice Moiséis Couto

Justiça eleitoral cassa mandato e torna inelegíveis prefeito Fernando Bispo de Anguera e o vice Moiséis Couto

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) acatou pedido do Partido Progressista (pp) de Anguera, interior da Bahia, representado por seu presidente Marcelo Brandão Freitas, que acusou Fernando Bispo Ramos e Moisés Couto Oliveira, prefeito e vice da cidade, respectivamente, por captação ou gasto ilícito de recursos financeiros de campanha eleitoral de 2016. “Julgo procedente o pedido contido na presente AIJE (Ação de Investigação Judicial Eleitoral) formulado pelo representante, Partido Progressista do município de Anguera – PP”, consta na decisão da juíza Nartir Dantas Weber. 

A magistrada determinou a “inelegibilidade dos representados, pelo prazo de 08 (oito) anos subsequentes às eleições em que foram eleitos (art. 22, inc. XVI da Lei Complementar 64/1990, incluído pela Lei Complementar 135/2010. Após o trânsito em julgado, proceda o cartório eleitoral com as providências previstas no art. 224 do Código Eleitoral, bem como remetam-se cópias dos presentes autos ao Ministério Público Eleitoral para exame de eventual processo crime contra os representados e o ex-prefeito Mauro”. Bocão News

Enquete

Você concorda com a reforma da previdência?

*Enquete encerrada.
  • 3%
  • 24%
  • 74%